» Newsletter

» Tempo

» Coluna

Fertilizantes especiais: como usar essa ferramenta tecnológica na busca de alta produtividade com rentabilidade?


09/08/2018 às 09:56
Rejane Souza (7)

Quando se fala dos desafios enfrentados pela agricultura moderna, existem várias estratégias de manejo e tecnologias à disposição do homem do campo para buscar a máxima produtividade e rentabilidade da lavoura. Porém, alguns fatores são primordiais para o desempenho da planta, entre eles a escolha de uma boa muda ou semente, o manejo racional da fertilidade do solo e a operação eficaz de plantio. A combinação desses três pontos é o pontapé inicial da jornada produtiva.

Entrando um pouco mais no tema do manejo de solo e estratégias de fertilização, a utilização dos fertilizantes especiais, conhecidos também como produtos Premium, tem aumentado exponencialmente nos últimos anos. Eles representam uma boa alternativa às fontes convencionais, pois buscam oferecer altas produtividades da lavoura, seja pela absorção facilitada e sinergia com outros nutrientes ou pela minimização de perdas.

Porém, a aplicação de produtos Premium tem de ser realizada levando em consideração alguns aspectos importantes, como o histórico da área (média de produtividade nos anos anteriores, deficiências nutricionais, entre outros temas), as necessidades da cultura e a expectativa de produção e de rentabilidade, além do perfil de produtor e as características da região, já que as necessidades de uma mesma cultura podem variar em função da localização, da época de plantio e de aspectos climáticos.

Dessa forma, podemos ressaltar que um mesmo produto ou tecnologia em fertilizantes pode ter desempenhos diferentes, dependendo da aplicação realizada ou do perfil de lavoura, clima, solo ou região. Portanto, realizar uma análise detalhada e adaptar a recomendação à realidade do produtor é muito importante para que os produtos Premium tenham o desempenho esperado.

A Yara possui uma visão centrada no cliente, que consiste na adaptação da solução agronômica para cada perfil de produtor, extraindo o máximo do potencial dos fertilizantes e trazendo, assim, maior rentabilidade à agricultura nacional. A empresa desenvolve sistemas e softwares que utilizam os dados referentes a cada realidade e fazenda para prover uma orientação "tailor made" (sob medida) com o que há de mais avançado em pesquisa e levando em consideração a produtividade esperada.

Assim, como exemplos, temos uma ferramenta onde é possível realizar uma recomendação personalizada sobre a solução nutricional de plantas a partir da coleta e análise de amostras de solo e folha, resultando na indicação do melhor programa nutricional para o talhão avaliado, e um aplicativo de celular que identifica deficiências nutricionais e traz a melhor recomendação para a situação apresentada.

O desafio da produção de alimentos para suprir a demanda crescente, já que a população deve chegar a nove bilhões de pessoas em 2050, aliado à escassez de recursos naturais e áreas agrícolas disponíveis para a expansão, traz a necessidade de se produzir mais no mesmo pedaço de terra. Aumentando a produtividade e a qualidade dos alimentos, incrementando a rentabilidade por área, teremos uma lavoura sustentável e lucrativa. Se utilizarmos fertilizantes Premium, que possuem processos produtivos mais "limpos", como fontes de nitrogênio, com menos emissões de gases de efeito estufa, além de menos perdas por volatilização, ganhamos também na preservação do meio ambiente.

Apesar do crescente aumento na utilização dos fertilizantes especiais, a agricultura ainda é amparada na aplicação de commodities. Dessa forma, deixamos um convite: venha acelerar a produtividade da sua lavoura, conheça os fertilizantes Premium e aumente sua produtividade.

 

 

Rejane Souza é engenheira agrônoma e gerente de Marketing, Pesquisa e Desenvolvimento da Yara Brasil.



» Comentários

Etanolhotel 10